Escola de Pastores arranca a 23 de Setembro | Inscrições excederam as vagas disponíveis - Edição Jornal
32757
post-template-default,single,single-post,postid-32757,single-format-standard,bridge-core-1.0.5,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

Escola de Pastores arranca a 23 de Setembro | Inscrições excederam as vagas disponíveis

Escola de Pastores arranca a 23 de Setembro | Inscrições excederam as vagas disponíveis

A Escola de Pastores, um projeto-piloto integrado no Programa de Valorização da Fileira dos Queijos da Região Centro, arranca a 23 de setembro, contando com um excedente de inscrições.

Segundo a Associação do Cluster Agroindustrial do Centro, na manhã de quinta-feira, 22 de agosto, registavam-se 89 candidatos inscritos para apenas 40 vagas disponíveis.

Em comunicado, esta Associação do Cluster Agroindustrial explicou que “a escola de pastores pretende cativar empreendedores que queiram dedicar-se à atividade da pastorícia, cujo objetivo principal é contribuir para o reforço e rejuvenescimento da atividade”.

Este projeto-piloto está inserido no Programa de Valorização da Fileira dos Queijos da Região Centro, que inclui um investimento total de 2,7 milhões de euros e que é liderado pela InovCluster.

As aulas realizam-se nas Escolas Superiores Agrárias de Castelo Branco e Viseu, e em explorações agropecuárias dos concelhos de Castelo Branco, Fundão, Penela, Oliveira do Hospital, Gouveia e Viseu, podendo também vir a contemplar outros concelhos.

O curso tem a duração de quatro meses e um número total de 560 horas de formação, com a previsão de terminar em janeiro de 2020.

Quem frequentar a formação com sucesso tem a oportunidade de se candidatar ao “Vale Pastor”, um prémio monetário no valor de 5.000 euros.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm

*****