PSD de Viseu diz que o Governo “mente” sobre o arranque das obras de requalificação do IP3 - Edição Jornal
28610
post-template-default,single,single-post,postid-28610,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.6,vc_responsive

PSD de Viseu diz que o Governo “mente” sobre o arranque das obras de requalificação do IP3

PSD de Viseu diz que o Governo “mente” sobre o arranque das obras de requalificação do IP3

O PSD de Viseu acusa o Governo de mentir sobre as obras no IP3. Dizem os sociais-democratas que “o projeto ainda nem está no papel” e a reparação prometida recentemente está “há muito prevista” pelas Infraestruturas de Portugal.

Em comunicado, o PSD de Viseu diz que a anunciada intervenção no troço entre a Lagoa Azul, na foz do Dão, e a livraria do Mondego, em Penacova, se trata de uma grande reparação “há muito prevista no plano de atividades da Infraestruturas de Portugal”.

A distrital de Viseu do PSD diz que se trata de “uma intervenção urgente que o Governo adiou nestes últimos quatro anos” e que não se trata de qualquer duplicação do IP3, como diz o Governo, mas apenas de “uma reabilitação”.

O PS anunciou no dia 08 de maio, no parlamento, que as obras de requalificação do Itinerário Principal (IP) 3, que liga Viseu a Coimbra, estão para breve, num investimento de 134 milhões de euros, suportados pelo Orçamento do Estado (OE), mas os sociais-democratas de Viseu reforçam a ideia que “ainda não há nada no papel”, e que “não se conhece qualquer estudo prévio, não há caderno de encargos ou calendário de execução”.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária-96.8 FM ou em www.968.fm

*****