Trabalhadores da PSA de Mangualde garantem que retomam a greve aos sábados após o regresso das férias - Edição Jornal
32409
post-template-default,single,single-post,postid-32409,single-format-standard,bridge-core-1.0.5,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

Trabalhadores da PSA de Mangualde garantem que retomam a greve aos sábados após o regresso das férias

Trabalhadores da PSA de Mangualde garantem que retomam a greve aos sábados após o regresso das férias

A PSA/Peugeot/Citroën de Mangualde cumpre nesta altura o período de férias, com a produção parada, mas o sindicato que representa os trabalhadores já fez saber que a greve ao trabalho aos sábados, que iniciaram 13 de julho, é para retomar após o regresso das férias.

O sindicato garante que as reivindicações que estão na base desta paralisação se mantêm e ainda não houve qualquer evolução e, por isso, a greve aos sábados se vai manter até que sejam satisfeitas por parte da administração da empresa.

Os trabalhadores querem ver garantidos “dois dias de descanso consecutivo” e horários que não ultrapassem “oito horas diárias de trabalho”, rejeitando qualquer solução de `bolsa de horas´ proposta pela empresa.

Segundo o sindicato a greve ao trabalho aos sábados na PSA de Mangualde “tem tido uma forte adesão” e “será para manter até final do ano”, ou “até que a empresa satisfaça as pretensões dos trabalhadores”, adianta o sindicato que os representa.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm

*****