Trabalhadores da Santa Casa da Misericórdia de Viseu manifestaram-se pela melhoria de salários e das condições de trabalho - Edição Jornal
26637
post-template-default,single,single-post,postid-26637,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.6,vc_responsive

Trabalhadores da Santa Casa da Misericórdia de Viseu manifestaram-se pela melhoria de salários e das condições de trabalho

Trabalhadores da Santa Casa da Misericórdia de Viseu manifestaram-se pela melhoria de salários e das condições de trabalho

Meia centena de trabalhadores da Santa Casa da Misericórdia de Viseu manifestou-se pela melhoria dos salários e das condições de trabalho.

Uma concentração no jardim em frente à sede da instituição em Viseu, na sequência de uma greve convocada pelo Sindicato dos Trabalhadores da Indústria de Hotelaria, Turismo, Restaurantes e Similares do Centro.

A adesão, segundo os números do sindicato, foi total, apenas com a garantia dos serviços mínimos, assegurando o apoio e a alimentação aos utentes das diversas valências da Santa Casa da Misericórdia de Viseu.

Em causa está a exigência de melhores salários, com o sindicato a avançar que cerca de 80% dos funcionários da Santa Casa ganham salário mínimo, independentemente dos anos ao serviço da instituição.

O caderno reivindicativo apresentado à Santa Casa da Misericórdia de Viseu em novembro de 2018 previa aumentos de 40 euros, implementação de diuturnidades, 25 dias de férias e a melhoria das condições de trabalho, proposta rejeitada pelos responsáveis pela Santa Casa da Misericórdia de Viseu, com o sindicato a garantir que está na disposição de “avançar com novas forma de luta”.

Adelino Costa, responsável pela instituição admite que os trabalhadores “ganham pouco” mas lembrou que a remuneração é feita ao abrigo de um contrato coletivo aprovado entre a União das Misericórdias e as centrais sindicais.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm

Foto: AbrilAbril

*****