Viseu e Guarda perdem um deputado para Lisboa e Porto - Edição Jornal
32423
post-template-default,single,single-post,postid-32423,single-format-standard,bridge-core-1.0.5,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

Viseu e Guarda perdem um deputado para Lisboa e Porto

Viseu e Guarda perdem um deputado para Lisboa e Porto

Os círculos eleitorais de Viseu e Guarda vão perder, cada um, um mandato de deputado na próxima sessão legislativa, que vai sair das eleições marcadas para 6 de outubro.

Segundo o mapa oficial publicado em Diário da República, a Guarda passa de quatro para três deputados e Viseu de nove para oito mandatos no parlamento. Os mandatos são transferidos para os dois distritos que registaram maior aumento no núemro de eleitores, os de Lisboa e Porto, que pasam a eleger 48 e 40 deputados, respetivamente.

Esta perda de mandatos é justificada pelo número de eleitores que nas legislativas de 4 de outubro de 2015 registou uma perda de 24 mil em Viseu e de perto de 12 mil na Guarda, enquanto Lisboa teve um acréscimo de cerca de 20 mil eleitores e o Porto de mais de 3.400 novos cidadãos aptos a votar.

Outros círculos eleitorais onde se verificou um aumento dos inscritos foram Setúbal, Faro, Madeira e Açores.

Além de Viseu e Guarda, outros 12 distritos do país também perderem eleitores recenseados.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm

*****