MUSEU DE GRÃO VASCO PERDE 15 MIL EUROS DE RECEITAS EM MARÇO E ABRIL - Edição Jornal
37709
post-template-default,single,single-post,postid-37709,single-format-standard,bridge-core-1.0.5,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

MUSEU DE GRÃO VASCO PERDE 15 MIL EUROS DE RECEITAS EM MARÇO E ABRIL

MUSEU DE GRÃO VASCO PERDE 15 MIL EUROS DE RECEITAS EM MARÇO E ABRIL

O Museu Nacional Grão Vasco, em Viseu, estima cerca de 15 mil euros de perda de receitas nos meses de março e abril, devido à covid-19.

Segundo a diretora do espaço, Odete Paiva, no mês de março, o museu é habitualmente muito visitado por grupos escolares e de seniores, e em abril, por espanhóis que chegam à região para passarem a Páscoa.

Odete Paiva lembra números do ano passado, onde março registou 6.513 entradas e, em abril, houve 7.727 pessoas a visitarem o Museu Grão vasco. Este ano, segundo a diretora do museu, até ao dia 15 de março, havia registo de 816 visitantes.

Odete Paiva adianta que já foram canceladas visitas de 18 grupos em março e 16 em abril, que representariam mais de 800 visitantes.

Contas feitas, a estimativa é que março e abril representem uma perda de cerca de 15 mil euros nas receitas do Museu de Grão Vasco, que continua de portas fechadas, com os funcionários do museu a cumprirem serviços mínimos, para garantirem segurança, limpeza, e correção de temperaturas e humidades para salvaguarda do valioso espólio do museu.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm.