Barragem de Fagilde garante água para mais um mês - Edição Jornal
17800
post-template-default,single,single-post,postid-17800,single-format-standard,bridge-core-1.0.5,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

Barragem de Fagilde garante água para mais um mês

Barragem de Fagilde garante água para mais um mês

A barragem de Fagilde, que abastece concelhos de Viseu, Mangualde, Penalva do Castelo e Nelas, aumentou o nível em mais de um metro e tem reserva para pelo menos mais um mês. A informação foi avançada pelo ministro do Ambiente que defendeu que devem manter-se a medidas de poupança de água.

A chuva do fim de semana melhorou a situação de seca um pouco por todo o país e no distrito de Viseu, além do aumento da reserva em Fagilde, o ministro adiantou que também na barragem de Balsemão, em Lamego, a quota subiu cerca de um metro.

João Matos Fernandes não esclareceu se vai parar a operação de transporte e descarga de água para Fagilde, apenas considerando que é uma situação para reavaliar nos próximos dias.

No final de novembro, o presidente da Câmara de Viseu, Almeida Henriques avançava que o município havia já tinha gasto mais de 600  mil euros com a operação de trasfega de água iniciada em final de outubro. O autarca quer do Governo mais apoio do fundo ambiental para fazer face à despesa.

No total, desde o início da operação em outubro, foram mais de 2400 descargas feitas pelos camiões cisterna contratados pela autarquia de Viseu para assegurar o abastecimento de água à população do concelho.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm