Conhecidos os premiados do VistaCurta 2017 - Edição Jornal
17192
post-template-default,single,single-post,postid-17192,single-format-standard,bridge-core-1.0.5,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

Conhecidos os premiados do VistaCurta 2017

Conhecidos os premiados do VistaCurta 2017

Estão anunciados os premiados do festival de cinema VistaCurta, edição 2017.

Para a produção LOCAL, e nas palavras do júri, “pelo seu carácter intimista e ligação afectiva e pela sensibilidade que nos instiga e perpassa toda a curta”, vence o filme DEPOIS DO OCASO de Patrícia Matos, realizadora natural de Tondela, licenciada em Artes Plásticas pela Faculdade de Belas Artes (Porto), depois de interromper um percuso na área científica.

Para a produção NACIONAL, o prémio foi atribuído a ÁGUA MOLE de Alexandra Ramires e Laura Gonçalves, “pelo ambiente onírico e metafórico que nos envolve e comove e pelas vozes que se fazem ouvir e representar”. O filme de animação retrata a vida dos últimos habitantes de uma aldeia que não se deixam submergir no esquecimento, num mundo onde o progresso parece estar acima de tudo.

Os filmes recebem um valor de dois mil euros de prémio.

O VistaCurta é promovido pelo Cine Clube de Viseu, e conta com a co-organização do Município de Viseu.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm