Ministro da Administração Interna esteve em Viseu e garantiu "nova cultura de segurança e de proteção civil” - Edição Jornal
17429
post-template-default,single,single-post,postid-17429,single-format-standard,bridge-core-1.0.5,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

Ministro da Administração Interna esteve em Viseu e garantiu “nova cultura de segurança e de proteção civil”

Ministro da Administração Interna esteve em Viseu e garantiu “nova cultura de segurança e de proteção civil”

Eduardo Cabrita, ministro da Administração Interna, garantiu em Viseu, na passada quarta – feira, 25 de outubro, que o Governo vai trabalhar para que haja uma nova “cultura de segurança e de proteção civil” que responsabilize toda a sociedade portuguesa.

O governante esteve reunido com Almeida Henriques, presidente da autarquia de Viseu e fez uma visita ao aeródromo municipal, onde disse que o Governo vai aprender com o passado, em especial com o mais recente e dramático, que será uma lição para o trabalho que tem que ser feito.

Ainda sobre os acontecimentos recentes na região, devastada pelos incêndios de 15 de outubro, o novo Ministro da Administração Interna garantiu que o Governo tem consciência da dimensão da tragédia e que é preciso agir para recuperar apoiar e indemnizar as vítimas dos incêndios. Quanto às áreas afetadas, garantiu todo o apoio na recuperação das mesmas e, já a olhar para o futuro, Eduardo Cabrita defendeu em Viseu que é preciso preparar uma estratégia que deverá envolver uma coordenação estreita entre as forças de segurança, a estrutura de Proteção Civil e as autarquias locais.

Sobre o Aeródromo de Viseu, que considerou ter uma centralidade estratégica para a região, o Ministro da Administração Interna adiantou que por lá vão manter-se cinco meios aéreos, enquanto forem necessários.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm.