Operação Natal e Ano Novo termina com 16 mortos - Edição Jornal
35376
post-template-default,single,single-post,postid-35376,single-format-standard,bridge-core-1.0.5,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

Operação Natal e Ano Novo termina com 16 mortos

Operação Natal e Ano Novo termina com 16 mortos

A Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR) apresentou os números da campanha de segurança rodoviária de Natal e Ano Novo, que envolveu GNR e PSP, com o registo de 16 vítimas mortais, menos 16 que em comparação com o ano anterior.

A operação “O melhor presente é estar presente”, decorreu entre 18 de dezembro de 2019 e 5 de janeiro de 2020, e registou ainda uma redução nos números de feridos graves e também de feridos ligeiros.

Segundo a ANSR, ao longo da operação foram fiscalizados cerca de oito milhões de condutores, foram aplicadas 73 mil multas, foram detidos 1.127 condutores, dos quais 724 por apresentarem uma taxa de álcool crime, acima de 1,2 g/l.

Mais de dois terços das infrações registadas foram excessos de velocidade.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm.

Tags: