PJ recupera livro de atas do século XVII que tinha desaparecido na Câmara de Penedono - Edição Jornal
35349
post-template-default,single,single-post,postid-35349,single-format-standard,bridge-core-1.0.5,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

PJ recupera livro de atas do século XVII que tinha desaparecido na Câmara de Penedono

PJ recupera livro de atas do século XVII que tinha desaparecido na Câmara de Penedono

A Polícia Judiciária recuperou um livro de atas com mais de 300 anos, que pertencia à Câmara de Penedono, no Norte do distrito de Viseu, e que se encontrava à venda pela internet, pelo preço de 1.500 euros.

Em comunicado, a PJ adianta que o livro foi recuperado após uma investigação a cargo da sua Diretoria do Norte , que localizou e apreendeu o livro, um exemplar do século XVII com 240 páginas manuscritas com Atas de Vereação do município de Penedono, e que por razões desconhecidas foi retirado do espólio da autarquia.

O documento foi identificado depois de alertas do Arquivo Distrital de Viseu e da Câmara de Penedono, após ter sido colocado à venda na internet, com a PJ a encontra-lo na posse de um comerciante de Torre de Moncorvo. O livro foi apreendido e está agora a ser alvo de perícia para ser avaliada a sua autenticidade.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm.

Tags: