António Costa garante "energia e determinação" para a reconstrução das casas destruídas pelos incêndios - Edição Jornal
17836
post-template-default,single,single-post,postid-17836,single-format-standard,bridge-core-1.0.5,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

António Costa garante “energia e determinação” para a reconstrução das casas destruídas pelos incêndios

António Costa garante “energia e determinação” para a reconstrução das casas destruídas pelos incêndios

O primeiro-ministro esteve de visita à região e prometeu a quem perdeu as casas nos incêndios de outubro “energia e determinação” para a reconstrução, tal como tem sido feito na zona afetada pelos incêndios de Pedrógão, que ocorreram em junho.

António Costa adiantou que em Pedrógão, cerca de 70% das casas já foram reconstruídas ou estão em obras, mas lembrou que a dimensão dos incêndios de 15 e 16 de outubro foi maior e destruiu mais de 1400 casas enquanto em Pedrogão foram 268. (RM – para ouvir na Estação Diária – 96.8 FM)

De acordo com o primeiro-ministro, nos incêndios de outubro foram afetados 36 concelhos. Em vez de 10 milhões de euros, como em Pedrogão, serão necessários para a região centro 75 milhões de euros só para reconstruir casas de primeira habitação. Grande parte desse montante será suportado pelo orçamento de Estado.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento Estação Diária – 96.8 FM ou em www. 968.fm.