Transação de imóveis no Centro Histórico de Viseu bateu recordes em 2019 - Edição Jornal
35542
post-template-default,single,single-post,postid-35542,single-format-standard,bridge-core-1.0.5,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

Transação de imóveis no Centro Histórico de Viseu bateu recordes em 2019

Transação de imóveis no Centro Histórico de Viseu bateu recordes em 2019

O Município de Viseu diz que foram batidos todos os recordes de transação de imóveis no Centro Histórico da cidade, que em 2019 atingiram valores superiores a 10 milhões de euros.

Em comunicado, a autarquia adianta que 2018 já havia sido um ano de “grande dinâmica” na transação de imóveis na zona histórica de Viseu, mas no ano passado os números dispararam para um valor recorde de mais de 10 milhões de euros.

De acordo com dados da Sociedade de Reabilitação Urbana Viseu Novo, durante o ano de 2019 foram aprovadas em reunião de Câmara 79 transações de imóveis abrangidos pela Área de Reabilitação Urbana de Viseu, no valor global de cerca de dez milhões de euros.

Ainda segundo o município, desde setembro de 2013 até ao final de 2019, “foram realizadas 380 transações de imóveis, correspondentes a um valor global de venda de 37,6 milhões de euros”. Neste período foram ainda atribuídos 153 incentivos financeiros para a reabilitação de fachadas, num valor total de comparticipação de 185 mil euros.

Contas feitas, diz a Câmara de Viseu, são 530 edifícios intervencionados num universo de cerca de 1.120 edifícios existentes na Área de Reabilitação Urbana de Viseu.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm